Número alto de trabalhos recebidos é destaque no XIX Congresso Mineiro de Psiquiatra

Inscritos no CMP 2017 enviam mais de sete dezenas de trabalhos científicos que foram expostos durante o evento

O XIX Congresso Mineiro de Psiquiatria, realizado em Belo Horizonte durante os dias 15, 16 e 17 de junho, surpreendeu quem passou pela Associação Médica de Minas Gerais em vários pontos. Um deles foi a galeria dos trabalhos expostos, tanto no que se refere à quantidade quanto à qualidade do que foi mostrado esse ano. Foram expostos 76 trabalhos com importantes e relevantes temas da psiquiatria.

Para Frederico Garcia, Coordenador de Ciência e Ensino do congresso e da Associação Mineira de Psiquiatria, a galeria dos trabalhos foi uma mostra do sucesso do evento. “Os trabalhos enviados nos formatos de pôsteres confirmam a excelência das pesquisas desenvolvidas por acadêmicos e clínicos do estado”. Segundo ele, “a sessão de pôsteres foi um local importante para o encontro e interlocução das equipes de pesquisa dos vários centros universitários do estado.

Inscritos de vários níveis de formação foram atraídos para enviar seus trabalhos pela oportunidade de participar do maior congresso regional do país e pela possibilidade de mostrá-los para grandes nomes da psiquiatria nacional. Para a mestranda de medicina molecular da UFMG, Cristiane Carvalho Ribeiro, enviar o trabalho “foi muito importante, porque as temáticas do congresso estão atualizadas e é interessante observarmos questões como suicídio e o transtorno de humor e como os outros profissionais tratam os temas”.

Assim como Cristiane, a estudante de 5º. Período de medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora, Luiza Mageste, aponta como foi relevante enviar trabalhos para o congresso esse ano. “No trabalho que desenvolvemos em grupo realizamos um estudo do perfil de mortalidade por alzheimer em Minas Gerais. Não existia nenhum estudo nesse sentido no estado”. E completa: “expor trabalhos é uma troca. Chegar ao congresso e ter acesso a vários outros trabalhos, conhecer a produção de outras faculdades e de profissionais já formados são aspectos muito importantes do evento”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


4 × um =