Montes Claros recebe II Congresso Norte-Mineiro de Neurociências

Evento em junho espera fomentar estudos e trocas de experiências com profissionais e estudantes da região

Com o objetivo de explorar a interface entre o conhecimento do corpo e da mente vai acontecer em Montes Claros nos dias 02 e 03 de junho o II CONGRESSO NORTE-MINEIRO DE NEUROCIÊNCIAS .  Seguindo o sucesso do ano passado, quando contou com a participação dos acadêmicos das 3 Faculdades de Medicina de Montes Claros (FIP-MOC, FUNORTE E UNIMONTES), o evento desse ano vai  incluir diferentes abordagens usadas para estudar os aspectos moleculares, celulares, de desenvolvimento, estruturais, funcionais, evolutivos, e médicos do sistema nervoso.

Tradicionalmente, a neurociência tem sido vista como um ramo da biologia. Entretanto, atualmente ela é uma ciência interdisciplinar que colabora com outros campos como a educação, química, ciência da computação, engenharia, antropologia, linguística, matemática, medicina e disciplinas afins como filosofia, física e psicologia. O termo neurobiologia é usualmente usado alternadamente com o termo neurociência, embora o primeiro se refira especificamente a biologia do sistema nervoso, enquanto o último se refere à inteira ciência do sistema nervoso.

Para o psiquiatra e presidente do evento Pedro Paulo Narciso de Avelar,  o evento vai possibilitar aos profissionais e acadêmicos da saúde da região a expansão de seus conhecimentos e a troca de experiências. “Com o Mini-Curso de Psicofarmacologia, pretendemos oferecer qualificação aos médicos do norte do estado que cuidam da saúde mental da população, ainda bastante carente em termos de acesso ao tratamento”, analisa.

A expectativa é que o II CONGRESSO NORTE-MINEIRO DE NEUROCIÊNCIAS tenha  em torno de 500 a 600 pessoas de inscritas com a participação de psiquiatras, neurologistas, geriatras, clínicos, psicólogos, estudantes e profissionais da saúde em geral. Ainda segundo Pedro Paulo  o evento espera capacitar profissionais que trabalham com a saúde física e mental em uma área que abrange uma população de aproximadamente 2 milhões de pessoas. Para ele “o evento vai fomentar a permanente atualização e debate científico do meio acadêmico e profissional”, conclui.

congresso_montesclaros

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


4 × = vinte