XXII Jornada Mineira de Psiquiatria traz conteúdo científico e concursos artísticos e culturais

A Associação Mineira de Psiquiatria (AMP), objetivando incentivar e valorizar o envolvimento dos médicos psiquiatras e seus familiares com a produção artística e cultural, organiza mais uma vez seus concursos de fotografia e de literatura, sendo este último para contos e poesia. A novidade neste ano é a participação de parentes de primeiro grau na competição, bem como de médicos não associados à AMP, desde que inscritos na XXII Jornada Mineira de Psiquiatria e no IX Congresso Latino-Americano de Prevenção ao Suicídio, que ocorrerão nos dias 11 a 13 de junho de 2020, a serem realizados na Associação Médica de Minas  Na oportunidade, haverá a exposição das fotografias com as obras escolhidas.

O interessado no concurso de fotografia tem até o dia 04 de maio de 2020 para se inscrever; já para o concurso literário (contos e poesias) o prazo das inscrições se estende até o dia 24 de abril. Os resultados serão divulgados quando da abertura dos dois eventos. Na oportunidade, haverá a exposição das fotografias com as obras escolhidas.

Concurso de Melhor Reportagem

Os jornalistas de rádio, TV e Jornal, que publicaram reportagens sobre o tema relacionado ao transtorno mental do dia 24 de junho do ano passado até hoje e estão com intenção de fazê-lo até o dia 10 de maio próximo têm até o dia 18 de maio para se inscrever no II Concurso AMP de Jornalismo. O conteúdo das matérias deve buscar desmistificar os transtornos mentais, contribuindo para diminuir o estigma social sobre o tema. A entrega dos prêmios acontecerá na abertura da XXII Jornada Mineira de Psiquiatria e do IX Congresso Latino-Americano de Prevenção ao Suicídio.

Saiba mais sobre os concursos clicando aqui.

XXII Jornada Mineira de Psiquiatria e do IX Congresso Latino-Americano de Prevenção ao Suicídio

Já estão abertas as inscrições para a Jornada Mineira de Psiquiatria e o Congresso Latino-Americano de Prevenção ao Suicídio.  Em sua 12ª edição, a Jornada, terá como tema central, a expressão latina  “Quo Vadis”, que significa “Aonde Vais?” . Para o presidente da AMP, Humberto Correa, a escolha do tema é bastante significativa pois ilustra as incertezas do mundo atual, da medicina e, em especial, da psiquiatria e quais os caminhos devem ser tomados pela especialidade para superá-las.

Humberto, lembra, ainda, que os eventos deverão superar os resultados positivos de 2019, quando o número de inscritos bateu o recorde de inscrições de eventos da especialidade em Minas, o que consolidou a Jornada Mineira como a segunda maior do Brasil, atrás apenas do Congresso Brasileiro de Psiquiatria.  

Palestrantes

Vinte e dois palestrantes nacionais e internacionais já estão com suas presenças confirmadas nos dois eventos, entre eles especialistas renomados como Victoria Arango, da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos; Silvia Pelaez , do Uruguai,  ex-presidente da Associação de Suicidologia da América Latina e Caribe  e co-autora da Lei 18.097 que instituiu o  Dia Nacional para a Prevencão do Suicídio; Sergio Perez, de Cuba, fundador da Seção de Suicidologia e da Associação Mundial de Psiquiatria e da Rede Mundial de Suicidólogos;  MaurizioPompili, professor de Suicidologia e professor Assistente de psiquiatria da II Faculdade de Medicina da Universidade Sapienza de Roma, Itália; Marco Antônio Campos,  terapeuta cognitivo construtivista. Fundador e colaborador internacional do Centro de Acompanhamento e Psicoterapia Construtivista do México e  José Alberto Del Porto, professor Titular da UNIFESP, com pós-doutorado na University of Illinois at Chicago.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


um × = 2